Marketing interno

A maioria das empresas reconhece a importância e investe em estratégias de Marketing para conquistar mais clientes ou cativar aqueles já existentes. Enquanto as relações com o público externo são frequentemente trabalhadas, muitas empresas, principalmente as de pequeno e médio porte, deixam de lado um público fundamental para que ela tenha sucesso: a equipe.

Contar com funcionários motivados e engajados é o sonho de todo gestor, mas o que nem todos sabem é que isso não deve partir apenas dos colaboradores. Cada pessoa possui motivações para trabalhar e elas podem ser bem diferentes: o salário, a experiência para a carreira, um local próximo de casa, benefícios trabalhistas, entre muitos outros. Com diferentes expectativas e gatilhos, cabe à empresa oferecer algo que sustente a motivação da equipe quando as aspirações pessoais não forem o suficiente para mantê-los no emprego: um propósito, a sensação de pertencer a algo maior.

É para isso que a maioria das empresas conta com aquele quadro de “Missão, Visão e Valores”, para lembrar que elas são muito mais do que uma fornecedora de produtos e serviços que visam apenas o lucro. Mas, mais importante do que ter isso definido é aplicar no dia a dia da empresa e fazer com que a sua equipe viva isso.

Esta manutenção da cultura empresarial é feita através de estratégias de Marketing interno. Aqui, diferentemente da comunicação com o mercado, a principal preocupação da empresa não é vender produtos, mas sim, trabalhar uma imagem, um ideal que possa ser compartilhado com as pessoas que fazem a empresa.

E por que isso é tão importante? Você provavelmente já passou por uma situação em que não foi bem atendido em uma loja ou em que o funcionário ao telefone não sabia lhe passar as informações corretamente. Estes são apenas dois exemplos do que acontece quando a equipe não está engajada, motivada ou informada. Tudo acaba refletindo na experiência do cliente. Com a grande concorrência e oferta de produtos e serviços, são detalhes como este que podem fazer o seu cliente preferir a concorrência.

Como trabalhar o Marketing interno?

O primeiro passo para melhorar o Marketing interno é reconhecer a importância que ele tem no funcionamento da empresa. Contar com uma cultura de comunicação clara e objetiva também já é uma vantagem, pois a equipe não precisará começar do zero.

Uma pergunta comum é: quem fica responsável por esta parte? Em empresas grandes existem equipes de comunicação com foco exclusivo no público interno. Caso a sua equipe seja mais enxuta, o trabalho pode ser agregado ao departamento de comunicação ou marketing. Não é raro ver empresas que encarregam o departamento de Recursos Humanos ou administrativo destas tarefas, mas nem sempre estes profissionais têm tempo ou o preparo adequado para encabeçarem estratégias de Marketing.

Para as empresas que não contam com uma equipe ou profissional específico para a função, uma solução é contratar agências e consultorias especializadas em Comunicação e Marketing. Elas podem auxiliar na elaboração de estratégias pontuais e até mesmo medidas que ditem a cultura de comunicação interna da empresa. São muitas as possibilidades de iniciativas, desde informativos, atividades de engajamento, programas de capacitação, entre outras. O que vai definir qual é o caminho certo é o perfil da empresa e da própria equipe.

Aqui na Ferver assessoramos empresas em projetos de Marketing interno. Confira alguns exemplos:

Semana da Acreditação – Hemos Laboratório Médico

Desafio dos Campeões – Senior Sistemas

Marketing interno